GracieMag - Sensō Jiu Jitsu

GracieMag

Rio Open de Jiu-Jitsu: Dimitrius Souza e Bia Basílio reinam com ouro duplo June 26 2017

Dimitrius tenta a finalização no armlock durante a disputa do absoluto. Foto: Marco Aurélio/IBJJF

Com um sol tímido no céu e clima ameno na Tijuca, os cariocas receberam no último final de semana mais uma edição do Rio Winter Open de Jiu-Jitsu, tradicional campeonato realizado no templo sagrado da arte suave, o Tijuca Tênis Clube. Feras de todos os cantos do Brasil, da faixa-branca juvenil ao master faixa-preta estiveram na disputa, mas no adulto faixa-preta dois nomes brilharam com destaque nesse domingo, dia 25.

Dimitrius Souza e Bianca Basílio, ambos de São Paulo, roubaram a cena no Rio de Janeiro e faturaram dois ouros cada um, tanto no peso quanto no absoluto.

Dimi, craque da Alliance, abriu o seu dia de vitórias com o sucesso sobre o experiente Victor Bonfim (GFTeam) pelo título no peso pesado. Em seguida, no absoluto, encarou a pedreira Igor Silva (GFTeam) e conseguiu morder o ouro em vitória por pontos.

Já no feminino, a valente Bia Basílio, da Almeida Jiu-Jitsu, abriu os trabalhos ao encarar e vencer Andressa Souza (Barbosa JJ) no peso-pena. Em seguida, Bia fez um duelo de campeãs contra a vencedora do peso pesado Fernanda Mazzelli (Striker JJ) e conseguiu levar a melhor, para reinar com ouro duplo na competição com o título absoluto.

Confira abaixo os resultados finais da disputa do faixa-preta adulto. Para os resultados completos, clique aqui.

PRETA / Adulto / Masculino / Galo

1 – Jose Carlos Souza Lima Sobrinho – GF Team
2 – José Carlos De Oliveira Filho – American Top Team – Reyzinho
3 – Franciedson Fernandes da Costa – Alliance
3 – Vincius Dias Ferrer – Infight JJ

 

PRETA / Adulto / Masculino / Pluma

1 – Magno Mota Vieira – Brigadeiro Brazilian Jiu-Jitsu
2 – Douglas Rufino da Silva – Caio Terra Association Brasil
3 – Isaac da Conceicao Alves Poti – Fabricio International Team – FIT
3 – Jorge Luiz Nakamura – GF Team

 

PRETA / Adulto / Masculino / Pena

1 – Raphael da Costa Cadena – A2 Jiu-Jitsu
2 – Pedro Henrique D. M. de Azevedo – Gordo Jiu-Jitsu
3 – Deivines dos Santos Lima – GF Team
3 – Elifrankcariolano Do Nascimento Cariolano – Juarez Harles BJJ

 

PRETA / Adulto / Masculino / Leve

1 – Matheus Guilherme da Costa – GF Team
2 – Rodrigo da Conceição Barbosa – Alliance
3 – Luciano de Macedo Bernert – A.S Team
3 – Vagner Nascimento de Azevedo Jr – CheckMat Brasil

 

PRETA / Adulto / Masculino / Médio

1 – Vinícius Tavares Marinho – GF Team
2 – Alexandre Cavalieri Gomes da Silva – Alliance
3 – Eliezer David Raab Skaf – Ns Brotherhood
3 – Ygor Machado Dantas – UAE Jiu-jitsu Team

 

PRETA / Adulto / Masculino / Meio-Pesado

1 – Christofer Biude Moreira Feijó – CheckMat
2 – Hebert Penido das Dores Junior – Gracie Barra
3 – Alexandre Vieira – Nova União/NU
3 – Victor Hugo das Neves – Club Pina

 

PRETA / Adulto / Masculino / Pesado

1 – Dimitrius Soares Souza – Alliance
2 – Victor Del Corso Bomfim – GF Team
3 – Daniel Marcos Alves de Andrade – GF Team Recreio
3 – Marcos Aurélio Goulart Alves Junior – GF Team

 

PRETA / Adulto / Masculino / Super Pesado

1 – Fernando Andrade dos Reis – Alliance
2 – Vitor Fabio Martins Toledo – Atos Jiu-Jitsu
3 – Luiz Fernando Fernandes – Nova União
3 – Sandro Gabriel Vieira – Caio Terra Association Brasil

 

PRETA / Adulto / Masculino / Pesadíssimo

1 – Igor Silva – GF Team
2 – Thiago Gaia T. Oliveira Marques – GF Team
3 – Levi Duarte da Costa – Academia Pitbull
3 – Otavio de Souza Nalati – Team Lloyd Irvin

 

PRETA / Adulto / Masculino / Absoluto

1 – Dimitrius Soares Souza – Alliance
2 – Igor Silva – GF Team
3 – Otavio de Souza Nalati – Team Lloyd Irvin
3 – Thiago Gaia T. Oliveira Marques – GF Team

 

PRETA / Adulto / Feminino / Pena

1 – Bianca Barbosa Basilio – JFC Almeida JJ
2 – Andressa Lídia de Souza – BARBOSA JIU-JITSU
3 – Alliny Karen Silva Santos – Nova União

 

PRETA / Adulto / Feminino / Leve

1 – Denilma dos Santos Oliveira – Gracie Barra

 

PRETA / Adulto / Feminino / Médio

1 – Marília da Conceição F. A. Vieira – Gracie Barra

 

PRETA / Adulto / Feminino / Meio-Pesado

1 – Glaucia Braga Libano – Gracie Barra
2 – Mariane Nunes de Souza – GF Team
3 – Florencia Veronica Diez Bayer – Nova União

 

PRETA / Adulto / Feminino / Pesado

1 – Fernanda Mazzelli Almeida Maio – Striker JJ

 

PRETA / Adulto / Feminino / Super Pesado

1 – Tayane Porfírio de Araújo – Alliance

 

PRETA / Adulto / Feminino / Absoluto

1 – Bianca Barbosa Basilio – JFC Almeida JJ
2 – Fernanda Mazzelli Almeida Maio – Striker JJ
3 – Denilma dos Santos Oliveira – Gracie Barra
3 – Glaucia Braga Libano – Gracie Barra

Leandro Lo e Bia Basílio faturam ouro duplo no Curitiba Open de Jiu-Jitsu May 20 2017

Pódio final do absoluto faixa-preta adulto, com os dois melhores do ranking da IBJJF. Foto: Reprodução

Dia agitado para os fãs de Jiu-Jitsu nesse sábado, 20, com a última etapa dos Opens da IBJJF antes do Mundial de Jiu-Jitsu 2017.

Para fechar o calendário, Curitiba recebeu o evento que definiu os últimos pontos para o ranking faixa-preta da IBJJF. Nomes maiores do evento, Leandro Lo e Bia Basílio faturaram dois ouros cada, com a conquista do título em suas respectivas categorias de peso e também no absoluto.

Mais aguardado faixa-preta do evento, o campeão mundial Leandro Lo primeiro mordeu o ouro no peso pesado, ao fechar a categoria com Fernando Tsushima para a NS Brotherhood. Já no absoluto, o duelo ficou no aguardado reencontro de Leandro Lo e Erberth Santos.

Erberth, que faturara mais cedo o super pesado, acabou raspado por Lo num lance truncado. Com a inversão, Leandro faturou o ouro no aberto e quatro pontos na frente de Erberth pela primeira colocação no ranking faixa-preta da IBJJF.

No feminino, a destemida Bia Basílio arrancou aplausos da torcida. Faixa-preta da Almeida Jiu-Jitsu, Bia ficou com o ouro no peso leve ao bater Lauriane Mendes (OCS JJ). Campeã no super pesado, Tayane Porfírio, favorita para o aberto, não disputou o absoluto por questões pessoais. Quem chegou a final, para lutar pelo o ouro com Bia Basílio, foi Claudia Do Val (De La Riva). Com uma pegada de costas, Bia garantiu a vitória e o comemorado título do absoluto.

Confira abaixo os resultado do faixa-preta adulto e poste nos comentários quem foi o destaque do evento na sua opinião!

PRETA / Adulto / Masculino / Galo

1 – Paulo Humberto Rafael Pizziali – Nova União
2 – Franciedson Fernandes da Costa – Alliance
3 – Anderson Augusto Sarris – LEAD BJJ

 

PRETA / Adulto / Masculino / Pluma

1 – Cleito Soares de Resende Junior – Alliance
2 – Caio César dos Santos – Boca Team
3 – Andrey Adam – Arena JJ
3 – Oscar Amaral Prata – GF Team

 

PRETA / Adulto / Masculino / Pena

1 – Eduardo Yezeguiellian Botega – Zenith BJJ
2 – Niélton Soares Mendes – PSLPB Cicero Costha
3 – Jackson Favero Monguilhott – A.S Team

 

PRETA / Adulto / Masculino / Leve

1 – Matheus Guilherme da Costa – GF Team
2 – Mateus Carvalho Garcia – Ns Brotherhood
3 – Edson Jesus de Andrade Junior – Arena JJ
3 – Luciano de Macedo Bernert – A.S Team

 

PRETA / Adulto / Masculino / Médio

1 – Claudio de Mattos Cardoso – Gracie Barra
2 – Eliezer David Raab Skaf – Ns Brotherhood
3 – Caio Almeida Silva – JFC Almeida JJ
3 – Marco Aurellio de Queiroz – Akxe BJJ

 

PRETA / Adulto / Masculino / Meio-Pesado

1 – Pedro Henrique D. Conti Souza – CheckMat
2 – Andre Felipe Brasil Cassio – Gracie Elite Team
3 – Gustavo Santiago – Rilion Gracie JJ
3 – Henrique Russi Felix de Lima – CheckMat

 

PRETA / Adulto / Masculino / Pesado

1 – Leandro Lo Pereira do Nascimento – Ns Brotherhood
2 – Fernando Toshio Tsushima – Ns Brotherhood
3 – Marcos Aurélio Goulart Alves Junior – GF Team
3 – Romes Pereira Ramos Junior – Rio Grappling Club

 

PRETA / Adulto / Masculino / Super Pesado

1 – Fernando Andrade dos Reis – Alliance
2 – Marcos Paulo Mamedes Martins – Gracie Barra
3 – Juscelino Silva dos Santos – CheckMat
3 – Marcus Vinicius Lopo Ruiz – Ns Brotherhood

 

PRETA / Adulto / Masculino / Pesadíssimo

1 – Erberth Santos de Mesquita – JFC Almeida JJ
2 – Antonio de Padua Assef N. Nascimento – GF Team
3 – Andre Rudolfo – Zenith BJJ
3 – Edigar Guimarães de Souza – A.S Team

 

PRETA / Adulto / Masculino / Absoluto

1 – Leandro Lo Pereira do Nascimento – Ns Brotherhood
2 – Erberth Santos de Mesquita – JFC Almeida JJ
3 – Fernando Andrade dos Reis – Alliance
3 – Marcos Aurélio Goulart Alves Junior – GF Team

 

PRETA / Adulto / Feminino / Leve

1 – Bianca Barbosa Basilio – JFC Almeida JJ
2 – Lauriane Clarice dos Santos Mendes – Academia OCS JJ

 

PRETA / Adulto / Feminino / Médio

1 – Leticia Seguetto Tanabe Lalli – CheckMat

 

PRETA / Adulto / Feminino / Meio-Pesado

1 – Claudia Fernanda Onofre V. Doval – De La Riva JJ

 

PRETA / Adulto / Feminino / Super Pesado

1 – Tayane Porfírio de Araújo – Alliance

 

PRETA / Adulto / Feminino / Absoluto

1 – Bianca Barbosa Basilio – JFC Almeida JJ
2 – Claudia Fernanda Onofre V. Doval – De La Riva JJ

10 lutas da faixa-preta que sacudiram o Brasileiro de Jiu-Jitsu de 2017 da CBJJ May 05 2017

Leandro Lo, em foto de Luca Atalla.

O campeão absoluto brasileiro Leandro Lo, em foto de Luca Atalla.

O Campeonato Brasileiro de Jiu-Jitsu de 2017 não se resumiu apenas às épicas finais entre Leandro Lo e Erberth Santos, craques que pelejaram pelo ouro tanto no superpesado como no absoluto faixa-preta, categoria adulto. (Relembre aqui.)

Além da disputa entre ambos, o ginásio poliesportivo de Barueri, em São Paulo, foi palco de outros combates excelentes, tanto no masculino como no feminino, durante o evento encerrado no dia 30 de abril.

A seguir, o GRACIEMAG.com destaca outras dez lutas emocionantes a que nossa equipe teve o prazer e a sorte de assistir, durante a faixa-preta adulto, no 21º Brasileiro da CBJJ.

E para você, amigo leitor? Qual foi a melhor luta que você viu no campeonato, além dos combates entre Lo e Erberth? Comente aqui conosco.

10. Claudia do Val x Samela Lopes, oitavas do absoluto feminino

Numa bela batalha de raspagens e inversões, Samela vencia o duelo até que Claudia encaixou um bonito triângulo e avançou.

9. Erberth Santos x Rodrigo Cavaca, semifinal do superpesado

O explosivo Erberth montou em Cavaca logo no comecinho, com um movimento certeiro. Sem se afobar, Cavaca livrou-se da montada e ainda atacou com uma chave de pé encaixadinha, que Erberth mostrou técnica apurada para defender, nessa reedição da final do absoluto do ano passado. No fim, 13 a 6 para o jovem de Roraima.

8. Tayane Porfírio x Bia Basílio, quartas de final do absoluto feminino

Com o ginásio em polvorosa, Tayane bombardeou a guarda da arisca Bianca Basílio, e venceu por 15 a 0.

7. Leandro Lo x Otavio Nalati, quartas do absoluto masculino

O peso pesadíssimo Nalati não deu folga à guarda de Lo, num espetáculo divertido que levantou o ginásio em Barueri. No fim, após quedas e pegadas de costas, 8 a 0 para Leandro Lo.

6. Rubens Cobrinha x Gabriel Willcox, quartas do peso-pena

No duelo de veteranos, muita técnica old-school mesclada a um Jiu-Jitsu moderno e eficiente. Cobrinha tentou até o final a finalização, mas a guardinha de Willcox o salvou.

5. Bia Mesquita x Bia Basílio, final peso leve

Mesquita pegou as costas com destreza e rapidez, no início dos dez minutos de combate, mas Basílio correu atrás do prejuízo com afinco, até os últimos segundos.

4. Jaime Canuto x Otavio Sousa, final dos médios

Depois que Canuto raspou e abriu 2 a 0, a luta virou um xadrez alucinante, em que o tricampeão mundial Otavio Sousa tentava raspagens, mão-de-vaca, omoplatas, e Canuto escapava como mágica. Uma das finais mais técnicas e emocionantes do evento.

3. Cleber Sousa “Clandestino” x Hiago George, semifinal peso-pluma

Os magrinhos deram um espetáculo de movimentação, inversões e garra, com botes até o finzinho. Clandestino levou na decisão dos juízes, mas saiu mancando e nem conseguiu fazer a final. Marcas da guerra.

2. Rubens Cobrinha x Rafael Mansur, final dos penas

Depois de eliminar Isaque Paiva na semifinal, o jovem Rafael Mansur comprovou sua ascensão, ao raspar o consagrado Cobrinha com estilo e técnica apurada. O tetracampeão mundial da Alliance teve de usar todo seu jogo para raspar de novo, e vencer por 4 a 2. (Reveja o duelo, aqui.)

1. Erberth Santos x Victor Honório, semifinal do absoluto masculino

O suspense durou até os últimos segundos, nesse confere realizado na noite de sábado. O técnico e pesadíssimo Honório voltaria a desbancar Erberth? Quem faria a final com Leandro Lo? O empate permanecia, até que, no último segundo, o campeão da GFTeam tentou puxar para a guarda na tentativa de surpreender o rival e acabou sendo montado, num desfecho eletrizante.

Veja as lutas do domingo do Brasileiro, a seguir.