Caio Terra analisa a omoplata que rendeu seu 8º ouro no Mundial Sem Kimono November 10 2015

Caio Terra e sua variação da baratoplata no Mundial Sem Kimono. Foto: Ivan Trindade

Caio Terra e sua variação da baratoplata no Mundial Sem Kimono. Foto: Ivan Trindade

Caio Terra levantou a torcida na final dos galos no Mundial de Jiu-Jitsu Sem Kimono de 20015, no último domingo, 8 de novembro, com mais uma plástica finalização. O professor carioca radicado na Califórnia usou uma variação da baratoplata, golpe popularizado por Rafael “Barata” Freitas, para eliminar em menos de um minuto o japonês Yusuke Honma.

Foi a oitava medalha dourada de Caio no evento da IBJJF, que ele vem vencendo desde 2008.

Caio contou ao GRACIEMAG que o golpe não saiu com a perfeição que ele queria durante a final:

“A chave que apliquei na semifinal (contra Jorge Santistevan) foi bem mais bonita, mas eu não consegui finalizar com ela e mudei para a chave de braço. Eu tinha ensinado essa variação da baratoplata duas semanas antes do Mundial Sem Kimono, na minha academia, então quando a oportunidade surgiu, eu sabia que não poderia desperdiçar. Caso contrário, meus alunos iriam dizer que não funciona”, sorriu Caio.

Reveja a seguir a finalização de Caio na final, partindo da meia-guarda, passo a passo. Repare que Caio arrisca o triângulo e, quando o japonês tenta livrar o braço, a armadilha começa:

A seguir, veja a chave de ombro original conhecida como “baratoplata”: