Treinador vê GSP feliz: “Não se pode ser um soldado para sempre” December 18 2013

Firas Zahabi com seu pupilo, St-Pierre, em dia de treino. Foto: Zahabi.com

Firas Zahabi com seu pupilo, St-Pierre, em dia de treino. Foto: Zahabi.com

A aposentadoria de Georges St-Pierre, agora ex-campeão meio-médio do UFC, dividiu opiniões. Depois se se consagrar como atleta mais bem sucedido na categoria, superando o lendário Matt Hughes, GSP deixa saudades para os fãs, mas para seu treinador, Firas Zahabi, foi a melhor escolha do casca-grossa. As informações são do MMA Fighting.

O professor disse, em entrevista, que o ritmo do GSP neste momento é outro. Lutar não seria mais uma motivação para ele por agora, e que o mesmo estaria muito feliz com a sua escolha:

“Ele tem a motivação para lutar? Neste momento, não. Você não pode ser um soldado para sempre. O cara tem lutado por muito tempo, faltando a muitos aniversários, muitos casamentos, muitas experiências de vida. Ele quer equilibrar sua vida fora. Se você tivesse que passar um dia com Georges, você ficaria exausto”, disse Zahabi.

Porém, o instrutor e mentor do astro não descarta um futuro retorno de ST-Pierre ao octagon. Na opinião dele, não passa de uma tempo para recarregar as baterias, e isso pode ser essencial para que o campeão, taxado de burocrático em suas últimas apresentações, volte com força total:

“Ele vai voltar mais forte, eu espero. Ele é um sonho para treinadores e promotores de evento. Não vou pressioná-lo. Se ele voltar, vai ser uma decisão própria. Georges agora está mais feliz do que nunca, mais do que jamais vi. Seu humor está melhor, ele está dormindo melhor. O estresse estava fazendo com que ele ficasse mais fraco, infeliz, ele estava sofrendo. Agora estamos treinando Jiu-Jitsu e wrestling somente para se divertir”, fechou o treinador.

E você, sábio leitor, acha que a pausa será boa para GSP? Será que ele voltará aos cages num futuro próximo? Comente.

5_KORAL_RodapeVIP_8501