Erberth Santos, Hiago George, Vinicius Marinho e Tatá faturam no Rio BJJ Pro 2015 November 14 2015

RIo BJJ Pro 2015 lotado no bairro da Tijuca Foto Divulgacao

O Rio BJJ Pro 2015 lotou mais uma vez no bairro da Tijuca. Foto: Divulgação

De um lado, o calor e as praias tentadoras do Rio de Janeiro. Do outro, o Jiu-Jitsu e a vontade de vencer dos lutadores. Se você é leitor de GRACIEMAG, sabe que o Jiu-Jitsu mais uma vez venceu, numa dura disputa.

Apesar do bafo no ginásio do Club Municipal, na tarde tijucana, os faixas-pretas não desapontaram os fãs. No evento profissional Rio BJJ Pro, organizado pela IBJJF, quatro campeões saíram consagrados – e de bolso cheio, com os prêmios em dinheiro.

Na categoria mais leve, o cada vez mais maduro Hiago George (Cícero Costha) provou que veio para ficar nos grandes eventos do Jiu-Jitsu. Para ficar com o ouro e alguns mil reais no bolso, Hiago precisou vencer o experiente Isaque Paiva (Saikoo). A final entre ambos foi dura, embromada na guarda 50/50, mas Hiago soltou o jogo, raspou mais vezes e venceu por 8 a 6.

No peso médio, Vinicius Marinho começou a final contra Eduardo “Teta” Rios (BTT) com um passa-pé que levantou a galera, abrindo 2 a 0. O faixa-preta da GFTeam não reduziu a marcha e foi para cima, chegando à meia-guarda e passando a guarda algumas vezes. Eduardo mostrou coração e inverteu, mas Vinicius estava compenetrado e voltou a cair por cima. No fim, um passeio por 12 a 4 para o atleta da GFTeam.

No peso pesado, Erberth Santos (Lloyd Irvin) não deu nenhuma chance a Dimitrius Souza (Alliance), passando a guarda logo no início e, com calma, manobrando para pegar as costas. Com 7 a 0 no placar, ele ainda fez guarda e raspou com sua guarda 50/50, fechando o placar por 9 a 0.

No peso pesadíssimo, Otávio “Tatá” Nalati não teve adversários – literalmente. Os atletas inscritos não apareceram e Tatá ficou com o prêmio, sem suar.

A GFTeam foi mais uma vez a equipe campeã no evento.

Confira os resultados do Rio BJJ Pro, aqui.