Brasileiro 2016: Cavaca x Erberth e Mackenzie x Andresa na final do absoluto April 30 2016

Erberth Santos foi o grande nome do evento em Barueri, SP. Foto Divulgacao

Erberth Santos vai em busca do bicampeonato, mas tem pela frente o experiente Cavaca na final.

Este sábado de Brasileiro de Jiu-Jitsu 2016 foi de tirar o fôlego. O ginásio José Correa, em Barueri, recebeu hoje, dia 30, uma legião de atletas de todas as idades, mas as maiores emoções vieram na aguardada disputa das chaves do absoluto faixa-preta adulto.

Entre os homens, Rodrigo Cavaca(Zenith) e Erberth Santos(Ryan Gracie) ficaram com a vaga para disputar a final do aberto amanhã, dia 1. Cavaca, master com pique de adulto, venceu Erick Souza no estrangulamento, Ruan Oliveira na chave de pé e Guilherme Augusto nas vantagens. Rodrigo faria a semifinal com Victor Honório, mas o atleta da GFTeam lesionou o pé e Cavaca foi direto para a finalíssima.

Erberth, campeão absoluto do ano passado, bateu Willian Mendes nas vantagens, Alan Regis no armlock do triângulo, Pedro Moura também nas vantagens e na semifinal venceu Renato Cardoso nos pontos.

Já no feminino, quem se deu bem foram as cascas-grossas Mackenzie Dern(Gracie Humaitá) e Andresa Correa(Alliance). Mackenzie, tietada a todo instante, finalizou Andressa Souza e venceu Fernanda Mazzelli para garantir seu lugar na final. Andresa, por sua vez, finalizou Carina Santi e Samela Shoham, ambas no leglock.

Confira abaixo alguns resultados do absoluto masculino e feminino e acompanhe nossa cobertura, em tempo real,  nas nossas redes sociais!

Absoluto Faixa-preta

Mackenzie Dern finalizou Andressa Souza no estrangulamento
Andresa Correa finalizou Carina Santi no leglock
Rodrigo Cavaca finalizou Erick Souza no estrangulamento
Victor Honório finalizou Jackson Monguilhott na mão-de-vaca
Otavio Nalati venceu Silvio Junior no estrangulamento
Renato Cardoso finalizou Matheus da Costa no armlock
Erberth Santos venceu Willian Mendes nas vantagens
Rodrigo Cavaca finalizou Ruan Oliveira no pé
Mackenzie Dern venceu Fernanda Mazzelli na decisão
Andresa Correa finalizou Samela Shoham no leglock
Renato Cardoso finalizou Fernando Macedo na chave de pé
Kitner Moura venceu Otavio Nalati por desclassificação
Erberth Santos finalizou Alan Regis no armlock do triângulo
Victor Honório venceu Kitner Moura nos pontos
Pedro Moura venceu Patrick Gaudio nas vantagens
Renato Cardoso finalizou Diego Ramalho na mão-de-vaca
Rodrigo Cavaca venceu Guilherme Augusto nas vantagens
Erberth Santos venceu Pedro Moura nas vantagens