Deu na Globo: criança supera doença rara com ajuda do Jiu-Jitsu January 12 2016

Kaique, 6 anos, superou rara doença com a ajuda do Jiu-Jitsu. Foto: Reprodução

Kaique, 6 anos, superou rara doença com a ajuda do Jiu-Jitsu. Foto: Reprodução

O Jiu-Jitsu é um esporte capaz de sobrepujar todas as barreiras. Não faltam exemplos de superação no nosso esporte, e mais um deles veio à mídia, desta vez no Esporte Espetacular, programa esportivo dominical da TV Globo.

O programa contou a história de Kaique Feitosa, 6 anos. Apaixonado por esportes desde cedo, Kaique quase ficou longe dos tatames por conta de uma doença rara, a síndrome de Legg-Calvé-Perthes, que enfraquece os ossos do quadril.

O pequeno teria que ficar limitado a uma cadeira de rodas por boa parte do dia, além de usar um aparelho nas pernas para limitar os movimentos. E foi aí que o Jiu-Jitsu entrou em cena.

Kaique praticava judô, mas foi proibido de participar das aulas por conta do impacto nas quedas e do peso que teria que suportar no quadril durante as atividades. O pai de Kaique, João Feitosa, faixa-preta de Jiu-Jitsu na academia Arena, em Olinda, resolveu migrar o filho para a arte-suave, e o menor impacto nas atividades contribuiu não só para manter o filho na ativa, mas também na aceleração de sua melhora quanto a doença.

O jovem Kaique se apaixonou pelo Jiu-Jitsu, passou a se dedicar a ensinar os colegas no tatame, inclusive gravando alguns vídeos, e com a evolução na arte suave também veio a evolução no seu quadro médico, ao perder a necessidade de usar a cadeira de rodas.

E você, amigo leitor, também acredita nos poderes do Jiu-Jitsu para curar as doenças do corpo e da mente? Clique aqui para conferir a matéria de Kaique no Esporte Espetacular e celebre o Jiu-Jitsu conosco!