Dallas Open Sem Kimono: a pressão de Mahamed Aly September 22 2015

O nível dos faixas-marrons no mundo segue alto, e pudemos comprovar isso no Dallas Open de Jiu-Jitsu, no último fim de semana, no Texas. Atual campeão mundial absoluto faixa-marrom, Mahamed Aly (Lloyd Irvin) perdeu em sua primeira luta de kimono, no sábado, para a fera Jared Dopp, campeão mundial sem kimono e vice-campeão do ADCC 2015.

Mas nada que abalasse Mahamed, que retornou com gana para a competição sem kimono, no domingo, onde dominou o pesadíssimo e o absoluto, ao fechar com o companheiro de equipe Matthew Fox.

“Quando perco lutando bem, para frente, eu aceito que o cara foi melhor e percebo que preciso treinar mais. Fiz tudo que tinha para fazer ali na hora (contra o Jared Dopp). Eu só odeio perder quando travo ou deveria arriscar alguma coisa e na hora não o faço por medo. Mas não foi o caso”, disse Mahamed, que destrinchou o lance crucial da derrota.

“Eu quis tentar trocar em pé, onde ele é forte. Morri no gás e ele me derrubou no finzinho. Mas foi uma luta dura. É uma derrota que não me envergonha em nada. Só preciso treinar”, refletiu.

No caminho do ouro sem kimono, Mahamed precisou encarar o cascudo Jared novamente. Desta vez, a vitória foi do carioca, nos pontos.

“Sem kimono, eu novamente quis arriscar meu wrestling, mas dessa vez ele que cansou, né. Acho também que não foi nenhum demérito para ele. Foi um fim de semana de muitos aprendizados. Colocaram a gente de cara no peso, então, perder significava não lutar o absoluto também. Nós dois demos a vida nessas duas lutas”, contou o campeão.

Veja como Mahamed venceu Jared sem kimono: