Brazil National Pro: Paulo Miyao, Renato Cardoso e Pedro Moura brilham no DF September 12 2015

Renato Cardoso distribuiu chaves de pé. Foto: Jair Lacerda/ Divulgação

Renato Cardoso distribuiu chaves de pé. Foto: Jair Lacerda/ Divulgação

O Planalto Central recebeu alguns dos melhores faixas-pretas de Jiu-Jitsu neste sábado, 12 de setembro, durante o Brazil National Pro. O público presente no ginásio do Cruzeiro em Brasília, Distrito Federal, foi agraciado com as técnicas de Paulo Miyao (Cícero Costha), as finalizações de Renato Cardoso (Alliance) e a garra de Pedrinho Moura (Ribeiro JJ).

Desta vez, os campeões da categoria não foram contemplados com pacotes aéreos para Abu Dhabi. O prêmio principal, com a passagem para os Emirados, será dado ao campeão do absoluto, cuja disputa será toda realizada neste domingo 13 de setembro.

Veja os destaques:

Até 62kg: Alessandro Fernandes (Kimura) foi o campeão, após vencer três lutas na categoria.

Na divisão até 69kg, Paulo Miyao não desapontou seus fãs, ele que contava com quase metade do público presente torcendo para ele durante suas lutas. O atleta de Cícero Costha venceu três combates e finalizou dois deles para ficar com o ouro. (Confira como foram suas lutas, aqui).

No peso até 77kg, apesar do pouco tempo de faixa-preta, Wellington Alemão não veio só de passagem. O pupilo de Leandro Lo passou pelas pedreiras Claudio Caloquinha (GB) e Felipinho Cesar (Barbosa), este por uma vantagem na final, para ficar com o ouro.

Fernando Toshio reinou na categoria até 85kg. Na divisão até 94kg, o favorito Renato Cardoso distribuiu chaves de pé e mostrou que sua guarda 50/50 continua poderosa.

Pedrinho Moura (Ribeiro JJ), atleta local, mostrou muita garra para superar seus oponentes na divisão acima de 94kg. Na final, jogou na estratégia e venceu Gilmar Ferreira (GB) na decisão dos juízes.

E o leitor, compareceu? O que achou das lutas?